Neste blog você encontrará fragmentos de textos, poemas, músicas, imagens, dicas de leitura, enfim, coisas relacionadas à literatura, à arte e à nossa lingua e cultura.

Seja bem-vindo!!

sexta-feira, 19 de março de 2010

Palavras de Mia Couto



Mia Couto

Em recente entrevista para a Revista da Cultura, o escritor moçambicano Mia Couto, ao ser perguntado sobre qual o gênero é de mais difícil escrita, respondeu o que segue:

Qual dos gêneros é mais difícil? O infantil, sem dúvida. Porque não sei pensar esse gênero e me custa acreditar que se escreve para crianças. A idéia de que elas pedem uma escrita simplificada é uma tentação fácil, mas profundamente arrogante. Nessa escrita, percebemos que não sabemos falar com a infância que ainda vive em nós.

A íntegra da entrevista pode ser acessada em http://www2.livrariacultura.com.br/culturanews/rc19/index2.asp?page=entrevista

Essa retirei do blog do Caio Ritter - Reinações

Mais uma:

“É preciso entender que os meninos estão deixando de ler os livros porque estão deixando de ler o mundo, de ser capaz de ler os outros, de ler a vida. Estão perdendo a disponibilidade de estar aberto aos demais, estar atentos às vozes, saber escutar. Há toda uma pedagogia que é preciso ser feita no conjunto. Não se pode isolar o livro e torná-lo como se fosse bandeira única desta luta. Uma coisa que aprendo na África é esta habilidade de se contar histórias e fazer com que o livro seja uma maneira de estimular, que os meninos não sejam só consumidores de história, mas também produtores de história. Quem não sabe contar uma história é pobre de alguma maneira.”

(Mia Couto, para revista ISTOÉ, sobre como estimular o gosto pela leitura.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário